Seguidores

Páginas

quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

O filhote ficou órfão




Ontem passei o dia todo FELIZ, completei 38 anos de um feliz e abençoado matrimônio. Meu marido continua sendo um companheirão, atencioso, caseiro, o hobby dele como já falei é marcenaria, sempre que pode ele faz algo para nossa casa. Só que há uns 15 dias atrás ele se cortou três dedos na serra, precisou ir ao hospital para suturar. . Por isso não pode trabalhar na oficina.
Eu havia falado pra ele fazer uma casa mais protegida para os porquinhos passarem à noite com medo de algum gato os atacarem.
À noite fui no meu quarto de costura e ouvi um gritinho e algo correndo. Chamei meu marido e desci para o quintal. Que tristeza o gato pegou a mãe do filhote e já a estava devorando debaixo da jabuticabeira, o gato correu, mas a porquinha já estava morta. Até chorei de pena , ela era a porquinha mais simpática, ficava em pé, uma fofa mesmo! Peguei o filhote coloquei numa caixa. Estou dando leite desnatado como o veterinário aconselhou. Ele é um fofo!
Acredito que ele vai sobreviver pois já está comendo alguma coisa e eles já nascem bem independentes.

2 comentários:

Maria Girassol disse...

Ai Penha... Que historinha triste!!! Ainda bem que vc ouviu e deu tempo de salvar!

Olha, não subestime seu potencial! VC MERECE muitos selinhos!
Adorei o link que vc mandou! O flickr é bem legal mesmo, quando quero uma ideia eu sempre procuro primeiro lá pra depois procurar no google... Dá pra achar muita gente talentosa!
Eu adorei o porta lápis e todas as outras coisas que ela faz! Lindoooo!!!
Obrigada pela iluminada!

Boa quinta!

Xeiros

Janela do Sóton disse...

passei pra deixar um beijinho
Bom fim de semana

Postar um comentário